Powerfull tools by / for creative freelancers and solopreneurs

És um Indie Worker? A partir de Outubro 2019 não estarás sozinho. 

COMPRA O TEU BILHETE!

SOBRE NÓS

Impulsionado pela aceleração da conectividade, tecnologia, novos modelos de talentos e ferramentas cognitivas, o mundo do trabalho está a mudar.

À medida que a robótica, a inteligência artificial e a ‘gig economy’ crescem, os empregos têm vindo a ser reinventados e o freelancing está a instalar-se de forma galopante.
Como afirmam o World Economic Forum e a OCDE, a força de trabalho independente está a crescer em todo o mundo e, junto com esse facto, novas  competências estão a ser exigidas pela indústria.

Essa procura emergente exige uma combinação de talento e tecnologia por parte dos trabalhadores independentes.
O INDIE WORKERS pretende ser uma plataforma de referência para a promoção de discussões e transferência de conhecimento em temas centrados na realidade de freelancers ou solopreneurs na área das Indústrias Criativas.

Assim, o INDIE WORKERS tem como missão:

1. Promover o talento e a força de trabalho independente do Porto, reforçando simultaneamente os seus recursos, competências, redes e visibilidade;
2. Dotar freelancers criativos com competências relevantes e práticas nas áreas de gestão de negócios e empreendedorismo, produtividade e proactividade, imediatamente aplicáveis nas suas actividades profissionais;
3. Promover networking e a adequação da força de trabalho independente e criativa ecossistema start-up e scale-up portuense, promovendo novas sinergias e cooperações.

BOOTCAMP

O Porto INDIE WORKERS Bootcamp é um evento dedicado a freelancers criativos e solopreneurs.
Concentrado em três dias de atividades, conversas, conferências e workshops, o nosso programa é desenhado para inspirar, fortalecer e interconectar a comunidade de Indie Workers do Porto. 

Nota que a maioria do programa será facilitado em português, com a excepção de algumas sessões ou workshops que serão em língua inglesa (25% do conteúdo) e estarão devidamente assinalados.

18 a 20

OUTUBRO 2019

PORTO

BILHETES

I’M IN

45€

COMPRAR

O QUE ESTÁ INCLUÍDO


5 Conferências / Apresentações


3 Painéis de Discussão


Welcome Drinks


Coffee Breaks


Bancas Informativas

I’M INDIE

70€

COMPRAR

O QUE ESTÁ INCLUÍDO


5 Conferências / Apresentações


3 Painéis de Discussão


Welcome Drinks


Coffee Breaks


Bancas Informativas


3 Workshops


Concerto

I’M INDIE worker

90€

COMPRAR

O QUE ESTÁ INCLUÍDO


5 Conferências / Apresentações


3 Painéis de Discussão


Welcome Drinks


Coffee Breaks


Bancas Informativas


3 Workshops


Concerto


1 Sessão In-Deep


2 Almoços

Ao comprares o teu bilhete, estás a aceitar os nossos Termos e Condições.

Por favor, consulta-os antes da compra.

PROGRAMA

SEXTA, 18 outubro

We are Next!

ZERO hotel

18h30 - 19h00: Apresentação Indie Workers & Discursos de Abertura (PT)

  • Apresentação Indie Workers
  • Apresentação Scale Up Porto

19h00 - 19h45 | Apresentação: 'The Survival of the Fittest' por Vassilis Charalampidis (EN)

“Survival of the fittest”

In a fragmented and everchanging world, do you think you can thrive without evolving? Do you know who you are? Do you understand who you are becoming? Did you learn anything new lately? Are you a true explorer? Are you in control of your evolution? Are you smart enough? Are you fast enough? Are you getting noticed? Do they love you? Can you beat all the others? Does any of this matter? Today, “It is not the strongest that survives, nor the most intelligent; it is the one most adaptable to change.” (Charles Darwin.)  

19h45 - 21h30: Bebidas no Terraço | Som de Nuno Rodrigues & Rafael Ferreira

DJ set by Nuno Rodrigues (Duquesa / Glockenwise) + Rafael Ferreira (Glockenwise)

sábado, 19 outubro

We are Next!

palácio dos correios – 3º piso

10h00: Apresentação - 'Myths of Creative Entrepreneurship' por Lieza Dessein (EN)

The job market changed dramatically in the past decades. An ever increasing number of people are freelancing, dreaming of setting up a successful startup or embracing a creative career. In order to foster an increase in the number of successful entrepreneurial ventures, there is a need for honest narratives on creative entrepreneurship. It is essential for aspiring entrepreneurs to look beyond the storytelling of those they admire and focus on the ongoings backstage.

In this talk I will expose myths linked to creative entrepreneurship and focus on pragmatic solutions to enhance entrepreneurial experiences in the digital age.

10h45 - Apresentação: '“Pro Nobis – Uma Alternativa aos Recibos Verdes”' por Michelle Chan (PT)

Um grupo de Trabalhadores Independentes, dos sectores Artístico e Cultural, organizou-se para criar um estatuto equiparado ao do Trabalhador por Conta de Outrem, em que os seus direitos sociais fossem reconhecidos pelo Estado. Surpreendentemente, esta organização recebeu quase 500 Freelancers de diversos ramos da Economia, proporcionando-lhes benefícios que não tinham quando trabalhavam a Recibos Verdes.

Nesta exposição, Michelle Chan falará sobre a mudança que a Pro Nobis trouxe para o mercado de trabalho e para as vidas dos seus membros.

12h15 - Painel de Discussão: Empreendedorismo Criativo (PT)

Participantes:

Carolina Curado (Carolina Curado Joalharia)

João Afonso (Gig Club)

Olivier Taco (Iguaneye)

 

Moderadora: Catarina Garcia (Mudo Podcast)

13h30 - Pausa para Almoço

Os participantes com bilhete I’M INDIE WORKER terão acesso à área reservada para os oradores e organização, onde estará incluído o almoço.

A restante audiência terá tempo livre (1h15m) para almoço.

upskill yourself! 

palácio dos correios – 3º piso

14h45: Workshop - 'New Work Heroes: How to Activate Your Career Superpowers' por Jörn Hendrik (PT)

Nesta época ambígua e altamente digitalizada, tendemos a ouvir repetidamente buzzwords como ‘agile’, ‘lean’ e ‘liderança digital’. Mas somente se pudermos compreender o nosso papel neste ambiente – como e porquê o desempenhamos – podemos usar essas e outras buzzwords e competências a nosso favor. Por outras palavras: temos que fazer a Jornada dos Heróis para alcançar os nossos super-poderes e usá-los na nossa carreira.

Mas nada temas, neste workshop aprenderás como fazê-lo.

16h30 - Workshops & FlashClasses

Nesta sessão de 2 horas, os participantes com bilhetes I’M INDIE e I’M INDIE WORKER poderão escolher 1 dos 5 temas à disposição:

Opção 1 - 'Do Awareness ao Advocacy - A Jornada Completa do Cliente Online' por Hugo Pereira (PT)

Esta flash class tem como objectivos dotar os participantes de ferramentas para:

  • Dar a conhecer a marca, gerar vendas e clientes satisfeitos no ecossistema digital.
  • Saber como montar uma estratégia de meios digitais customer centric.

Opção 2 - 'Os Novos Desafios do Branding Pessoal' por Joana Campos Silva (PT)

Numa Era de freelancers e de instapreneurs, muitos são os desafios para a construção de uma identidade pessoal. Este workshop propõe olharmos para dentro e descobrir a essência da nossa pessoa. É um laboratório de reflexões para os novos desafios da construção de uma marca pessoal, numa Era de reinvenção urgente! 

Opção 3 - 'Creative Pricing' por David Parrish (EN)

This workshop provides an opportunity to consider pricing policies from three different perspectives: calculating all costs to ensure breakeven or profit; the effect of pricing on customer perceptions; and options for selling or licensing your intellectual property.

Workshop Objectives
By the end the workshop, participants will have considered:
• Pricing in relation to costs and profits. The economics of pricing, including calculating minimum prices to break even and making allowance for distribution channels.
• Pricing, perceptions and market positioning. How pricing affects customers’ perceptions of you and your products in relation to other
products and producers.
• Pricing the options and ‘bundle of benefits’. How pricing relates to what exactly is being sold, including aspects of selling and licensing intellectual property.

Opção 4 - 'Freelancing in Illustration: How to Start Online' por Giulia Sagramola (EN)

Illustration is a profession tight with communication, besides crafting beautiful images to convey a message, it involves being able to communicate your own work. These days the identity of an illustrator starts mostly online with how we chose to show and tell our work through our website, social media, newsletter, etc. Sometimes the possibilities feel overwhelming, where should you start? Let’s investigate the possible directions our work can take thanks to platforms like Instagram and other social media, online shops, alternative income sources such as Patreon and more.

This workshop doesn’t want to focus only on the online tools but on understanding better what you’d like to achieve thanks to these tools.

Opção 5 - 'Micro Planeamento para Micro Negócios' por Miguel Barbot (PT)

Um pequeno guia para te orientar desde o desenvolvimento da ideia até à ida para o mercado.

domingo, 20 outubro

interconnect now!

palácio dos correios – 3º piso

10h00: Painel de Discussão: 'Creative Work and Collective Spaces' (EN)

Pablo is a an illustrator and creative director on his YouNameIt, Tuğçe is a space designer and founder of CrossChange and Mariana is a fashion designer who runs the Colisão Studios. Apart form comming from different backgrounds and professional activities, and besides living in 3 different countries/cities (Barcelona, being Mexican, Istambul and Japan being Portuguese) these creative have much in common. Each one is a independent creative – freelancer or solopreneur – and every one works from a Creative Hub: MOB (Barcelona), ATÖLYE (Istambul) and TODOS (Lisboa).

In this panel we will meet the creative people and work of the guests and also sneak peek inside their routines in their workplaces as Creative Hubs’ members.

What is a Creative Hub from their perspective? What are the amenities and particularities of these collective and creative spaces? What impact does these environments have in their work or in their professional path?
At Porto we also have a number of collective spaces of reference – creative hubs, coworking spaces, maker spaces, fab labs and innovation hubs – that we will share with you and invite you to know better.

Participants:

Pablo Fernández del Castillo (YouNameIt / MOB)

Tuğçe Akbulut ( CrossChange / Atölye)

Mariana Emauz (Colisão Studios / TODOS)

Moderator:

Tânia Santos (CRU Cowork)

11h30: Painel de Discussão - 'Flexibilidade e Independência no Trabalho: os Desafios do Trabalho à Distância, por ou sem Opção.' (PT)

Numa altura em que mais e mais empresas estão a tornar-se ou considerar tornar-se independentes de local de trabalho e remote friendly, há estudos que asseguram uma maior produtividade aliada à flexibilidade de horários e locais de trabalho dos colaboradores e outros que, por sua vez, atestam que nem todos queremos ser ‘livres’ das rotinas e ambiente de trabalho e que não estamos dispostos a perder regalias em troca dessa flexibilidade. 
Os desafios e barreiras ao trabalho remoto, ao outsourcing e ao freelancing apresentam-se tanto para trabalhadores dependentes e independentes tanto como para as empresas. Será esta transição uma necessidade das empresas ou dos seus colaboradores? Será a motivação ultrapassar o presenteísmo ou diminuir gastos fixos? Estaremos todos prontos para ser autónomos? Quais as barreiras à subcontratação de trabalhadores independentes? E quais as competências e soft skills necessárias para que a independência não nos custe a estabilidade ou a sanidade?

Participantes:

Gonçalo Hall (Remote It)

Beatriz Renault (Polar Insight)

Jörn Hendrik (New Work Heroes)

Moderador: Rui Countinho (Center for Business Innovation na Porto Business School)

12h30 - Pausa para Almoço

Os participantes com bilhete I’M INDIE WORKER terão acesso à área reservada para os oradores e organização, onde estará incluído o almoço.

A restante audiência terá tempo livre (1h15m) para almoço.

upskill yourself! 

palácio dos correios – 3º piso

14h00 - Workshops & FlashClasses:

Nesta sessão de 2 horas, os participantes com bilhetes I’M INDIE e I’M INDIE WORKER poderão escolher 1 dos 5 temas à disposição:

Opção 1 - 'Gestão de Projetos ou Como Organizar um Bom Jantar' por Ismael Cardoso (PT)

Um projeto bem gerido é a receita perfeita para um jantar de sucesso. Para fazer dos projetos mais do que um conjunto de apetitosos ingredientes precisamos cozinhar como Remy.

Opção 2 - 'No Equilíbrio entre Vida Pessoal e Trabalho' por Edite Amorim (PT)

Existirão mesmo duas vidas? A laboral, a profissional? Assim sendo, quantas outras mais poderiamos inventar? No questionamento deste paradigma que separa, propõe-se como alternativa  um que agarra e junta. Uma visão global sobre a vida, como uma só, em si mesma, com o todo que contém.

Um workshop para questionar óbvios, lançar ideias e exemplos e explorar possibilidades.

Opção 3 - 'Free Style Design Thinking' por Katja Tschimmel (PT)

Pensar como um designer é pensar criativamente, focalizado em resultados inovadores. É pensar com empatia, centrado no utilizador. 

Design Thinking como método proporciona modelos de processos e técnicas que ajudam a acelerar, intensificar, partilhar e visualizar um processo criativo em qualquer contexto.

Neste workshop com um perfil “free style”, os participantes serão introduzidos ao conceito e aos princípios do Design Thinking. Serão experimentados na prática 4 técnicas: o User Journey Map, o Brainwriting, Idea Cluster e a Idea Hitlist,  aplicando desta forma a empatia, e o pensamento divergente e convergente. 

Opção 4 - 'You Will Never Work Alone' por África Rodriguez (EN)

Working on collaborative projects is not as easy as it seems. Usually, we focus on the the evolution of it but we often do not take care of the team who is part of it. During this workshop you will discover how a team works. In doing so, we will share some useful dynamics and tools to build a team based on shared values.

Opção 5 - 'Gestão de Clientes' por Gabriel Gonçalves (PT)

O CRM do Bitrix24 oferece uma plataforma para organização e monitorização dos teus clientes ou potenciais clientes, parceiros, agentes, entre outros. Podes sincronizar várias fontes (website, landing pages, chat, redes sociais, etc.) automaticamente e fazer regras de automação. Aqui vais perceber como podes enviar um orçamento para um cliente em menos de 1 minuto e fazer todo o seu acompanhamento comercial sem esforço.

Vamos mostrar-te como funciona, os vários menus:
– Início (Dashboards)
– Leads
– Contacto
– Empresas
– Deal
– Produtos
– Documentos (Propostas e Contratos)
– Faturas (Ainda não disponível em Portugal)
– Envio de e-mail com proposta

– Funil de vendas

E várias regras de automação para acelerar o teu negócio.

16h20 - Sessões In-Deep:

As sessões In-Deep consistem em ‘mesas redondas’, mais intimistas, com o número máximo de 8 participantes.
É requerido aos participantes que sejam pré-enviadas questões mais individuais ou dúvidas particulares sobre o tema, sendo que a expert desenhará a sessão em torno das questões enviadas, tentado assim responder às dúvidas dos participantes e tornar a sessão numa discussão participativa e focada.

As sessões In-Deep estão disponíveis exclusivamente para os participantes com bilhetes I’M INDIE WORKER, que devem escolher 1 dos seguintes temas.

Durante este período os participantes com bilhete I’M INDIE poderão usufruir do terraço e de diversas actividades no piso 7, aguardando o concerto final.

Opção 1 - 'Legalidade para Criativos: “Bring home the bacon” ' por Ricardo Salazar (PT)

Partindo das necessidades logísticas de qualquer actividade económica, mas neste caso do universo da indústrias criativas, abordaremos os parceiros, passos burocráticos e cuidados a ter para poder exercer uma carreira com total segurança.

a)     Actos preparatórios;

b)     Primeiros passos;

c)     Parcerias e pessoas chave;

d)     Protecção de conteúdos.

e)      Negociações e contratos.

Opção 2 - 'Fiscalidade para Criativos: Questões Legais e Fiscais Relevantes' por Alexandra Fonseca (PT)

Qual o enqudramento fiscal que melhor se ajusta ao teu perfil e atividade profissional? Os profissionais independentes do setor cultural e criativo estão sujeitos a especificidades inteiramente distintas das de outros setores, seja porque o produto do seu trabalho cai, com frequência, no universo jurídico do Direito de Autor e dos restantes direitos de propriedade intelectual, seja porque daí decorrem diferenças relevantes ao nível do seu enquadramento profissional, designadamente fiscal, laboral e contratual.

Opção 3 - 'How to Make Your Business Strategy Work for You' por David Parrish (EN)

Developing a business strategy to make the most of your creativity in relation to competitors and markets in a way that is consistent with your overall aims and values is indeed a challenge.

In this session we can dive in the definition of your business success in their own terms in relation to creativity, lifestyle, profit and values. We will demystify what having a business strategy means, and the used techniques to understand your competitive advantage in relation to other creative businesses. We will understand the importance of looking for external forces in a systematic way to identify potential opportunities for your creative business and help you to install the mindset for developing your own unique business formula that brings together specific aspects of your  creative potential with suitable customers.

Opção 4 - 'Independente, Cooperador ou Empresário – o que mais compensa no meu caso?' por Michelle Chan (PT)

A Pro Nobis é uma entidade sem fins lucrativos, com cooperadores nas áreas da Música, Cinema, Publicidade, Design, Entretenimento, Tradução, Multimédia, Ilustração, Jornalismo, Produção de Eventos, entre outros. Antes de aderir convém saber se compensa e podem ser muitas as dúvidas. Este é o espaço para levantar e esclarecer essas questões.

Posso estar na Pro Nobis e emitir recibos verdes ao mesmo tempo? Terminado o trabalho, quando posso receber? Que despesas posso descontar? Quanto pago à Segurança Social? Quem trata do IVA?

Opção 5 - 'Agenciamento e construção de Portfolios' por Ana Muska & André Carvalho (PT)

A Circus Network nasce em 2012 enquanto organização cultural informal, evoluindo no ano de 2015 para se transformar em agência criativa, galeria de arte, loja e co-work. Este espaço dedica-se à arte urbana, à ilustração, à música e ao design.

Com o objectivo primordial promover o talento português procurando estreitar relações entre artistas, entidades e a comunidade envolvente, a Circus busca também a incessantemente a internacionalização, sempre com a cultura local como eixo de acção.

Nesta sessão serão discutidos os critérios para a boa construção de um portfolio e para a sua avaliação, bem como todos os trâmites do agenciamento nestas áreas.

Opção 6 - 'Licenças Creative Commons - a partilha do conhecimento e da criatividade de forma legal' por Diogo Morais (PT)

Alguma vez criaste algo e querias que os outros soubessem que não te importavas que eles usassem e partilhassem o teu trabalho? Procuras conteúdos gratuitos on-line que possa usar legalmente?  As licenças Creative Commons respondem a estas questões de uma forma prática e legal. Nesta sessão iremos falar sobre o que são as licenças de direito de autor e os instrumentos de domínio público desenvolvidos pela Creative Commons e de que forma e que cuidados deves ter antes de licenciar ou utilizar materiais licenciados com as CC.

see you soon! 

ZERO hotel

ORADORES

… em constante actualização …

Jörn Hendrik Ast

CEO | New Work Heroes

Enquanto facilitador, Jörn Hendrik desenvolve conceitos de workshop, desenha interações e permite aos grupos participantes criar os melhores resultados possíveis. A paixão de Jörn Hendrik pela concretização do espaço de trabalho do futuro conduziu-o à fundação de diversos projectos como o New Work Heroes, uma empresa de career-coaching. Tendo começado como artesão na empresa da família do seu pai, rapidamente descobriu o seu talento como vendedor e, durante mais de uma década, demonstrou a sua habilidade em venda e liderança em empresas B2C e B2B. No entanto, a sua visão para transformar os negócios mais transparentes e mais centrados nas pessoas levou-o a trocar, finalmente, a pá pelo computador. Jörn Hendrik Ast é um autor, podcaster e editor de livros como o New Work Heroes Workbook.

New Work Heroes

New Work Heroes - orientação de carreiras para o trabalho de agora. Enquanto empresa de coaching fornecemos livros, métodos e formatos de workshop para auxiliar os nossos coachees no espaço de trabalho frenético de hoje.

Jörn Hendrik Ast
CEO | New Work Heroes

Lisa Lang

Fundadora & CEO | ElektroCouture & ThePowerHouse

Lisa Lang é uma empreendedora, técnica e oradora internacional alemã. As suas marcas ElektroCouture e ThePowerHouse são agências líderes para a FashionTech, tecnologias wearable e para a manufactura de têxteis inteligentes. A sua experiência enquanto empreendedora deu-lhe o reconhecimento como uma das Forbes Europe’s Top 50 Women in Tech, top 100 pessoas mais influentes em wearable tech no mundo, uma das 25 líderes em moda e tecnologia a nível mundial, estando listada como uma das 50 mulheres mais importantes para a inovação e startups na UE.
A Lisa fundou ElektroCouture em 2013, acreditando na oportunidade para fundir tecnologia e moda apesar de não ter vindo de um contexto ligado a esta última. Com o sucesso de ElektroCouture a Lisa deu início a ThePowerHouse, em resposta a uma procura em crescimento, por parte de empresas, de workshops educacionais, protótipos e necessidade de consultoria em FashionTech.
Para além do seu trabalho nas suas empresas, ela tem vindo a ser mentora em programas cujo enfoque é em moda e tecnologia, assim como tem feito a assessoria do Ministerium für Wirtschaft Arbeit Energie und Verkehr e da União Europeia no que toca ao futuro da tecnologia de moda dentro de um contexto alemão e europeu. Em 2018 foi incluída como expert na prestigiosa ‘The State of Fashion 2019’, um relatório anual escrito e pesquisado pela Business of Fashion and McKinsey & Company.

ThePowerHouse

The Power House é uma agência líder para a FashionTech, tecnologias wearable e para a manufactura de têxteis inteligentes. O seu trabalho envolve rápida prototipagem, consultoria, matchmaking e educação, sempre em busca de ideias que nunca tenham sido criadas antes. Por detrás há uma equipa interdisciplinar que consiste em técnicos criativos, makers, e designers de moda que adoram desafiar os limites do status quo e desenhar para o futuro.

ElektroCouture

ElektroCouture é a fronteira do FashionTech, a primeira marca de fashion technology ready-to-wear, que tem criado conceitos reais que transformam a relação da moda com a tecnologia, incentivando a troca de muitas fronteiras. ElektroCouture traz a beleza da luz, juntamente com a inteligência da tecnologia wearable, reimaginando a luz como um novo material.

lisa lang
Fundadora e CEO | ElektroCouture & ThePowerHouse

Michelle Chan

Presidente da Administração | Pro Nobis C.R.L.

Gosta de organizar a vida dos outros. O seu interesse por questões laborais e de cidadania advém dos quinze anos em que trabalhou como freelancer em produções de Cinema, dentro e fora de Portugal.
Fundou o CPAV - Centro Profissional do Sector Audiovisual, o Sindicato CENA e a Pro Nobis Cooperativa, onde actualmente desempenha funções de Direcção ou, melhor dizendo, de malabarista.

Pro Nobis

A Pro Nobis é uma entidade sem fins lucrativos, que providencia aos freelancers uma solução para facturar aos clientes, descontar despesas profissionais e usufruir de benefícios de Segurança Social como trabalhador por conta de outrem. Providencia:

Apoio Administrativo, Contabilístico, Jurídico e Fiscal;
Seguro de acidentes de trabalho;
Contribuições para a Segurança Social de acordo com o rendimento;
Estatuto de trabalhador por conta de outrem;
Dedução de despesas profissionais.

michelle chan
Presidente da Administração | Pro Nobis C. R. L.

Joana Campos Silva

Catalizadora & Directora Criativa | Fashion Makers Studio

Sou viciada em comunicação, talentos e networking. Adoro estudar, questionar e desafiar a moda. Sou formada em Artes Digitais e Pós-Graduada em Gestão das Indústrias. Em 2015 fundei o Fashion Makers Studio. Um estúdio de design que desenvolve marcas de moda, beleza e lifestyle, com foco na relevância e estilo. Alinhamos a inspiração aos objetivos do negócio através de histórias honestas. Em 2014 criei a comunidade Porto Fashion Makers, com o objetivo de promover os criativos e indústria do Porto e Norte de Portugal. Sou co-fundadora da marca de ilustração The Red Wolf.

Fashion Makers

O Fashion Makers é um estúdio criativo que desenvolve marcas de moda, beleza e lifestyle. Alinhamos a inspiração aos objetivos do negócio, através da construção de um storytelling único e honesto. Para além de um estúdio temos uma comunidade criativa com mais de 300 Makers, com a qual catalizamos negócio, discutimos tendências e promovemos reflexões sobre o futuro.

Joana Campos silva
Catalisadora & Directora Criativa | Fashion Makers Studio

Miguel Barbot

Consultor & Coordenador | O Ofício

O Miguel dedicou uma década da sua vida profissional a uma consultora internacional, onde se especializou nas áreas do Marketing e Mercado, Inovação, Gestão Estratégica, TICs e Empreendedorismo.
Em 2012 co-fundou o Ofício, tendo-se especializado em projectos orientados para o consumidor final e com actividades de desenvolvimento de produto, manufactura e produção ou retalho.
O Miguel é também co-fundador, gestor e director criativo da Velo Culture e da Quito.

O Ofício

O Ofício é uma iniciativa coordenada por gestores de projecto experientes nas suas áreas de actuação e com um conhecimento profundo da realidade dos artesãos, fazedores e pequenas empresas de áreas produtivas de pequena escala, apoiando-os nos seus processos de gestão e no planeamento estratégico e de mercado. Todos os projectos são geridos considerando as preocupações da equipa com o desenvolvimento de modelos de negócio sustentáveis e práticas empresariais responsáveis.

miguel barbot
Consultor & Coordenador | O Ofício

Lieza Dessein

Strategic Project Manager

Concluí o meu mestrado em Artes há dez anos e, desde então, tenho trabalhado sobre o entendimento do que é o empreendedorismo criativo, e na implementação de soluções pragmáticas para o desenvolvimento e sustentação das carreiras dos empreendedores criativos. Ganhei, através de uma abordagem do tipo mãos na massa, uma consciência perspicaz das suas necessidades em termos de ambiente e condições de trabalho. O meu conhecimento ajuda freelancers a sobressaírem em aumentar economias sociais complexas. Durante os últimos sete anos trabalhei como strategic project manager para a Smart, uma forte líder em economia social que providencia soluções pragmáticas para freelancers em 9 países europeus. Jeri a “Brussels Art Factory” (BAF), um espaço de trabalho de 800m² para jovens empreendedores e fui igualmente essencial no desenvolvimento do projecto «LaVallée», uma creative hub de 5000m². Estes dois espaços recebem as actividades de 230 empreendedores criativos e hospedam mais de 65 eventos por ano, com cerca de 30.000 visitantes. Juntamente com a gestão destes espaços de trabalho e cultura anódinos, participei no movimento Platform Coop que promove uma economia digital mais justa. Através destas diferentes experiências de trabalho ganhei uma consciência perspicaz do impacto da digitalização num leque variado de espaços de trabalho contemporâneos. No momento presente tenho um acordo de docência com a Universidade de Leuven e, simultaneamente, continuo a ajudar pessoas e organizações a serem mais eficientes no desenvolvimento dos seus projectos. Para mim é verdadeiramente enriquecedor conectar pessoas com outras e também com projectos, ajudando-as a materializar as suas ambições e missões profissionais dentro de uma economia social justa e próspera.

Lieza Dessein
Strategic Project Manager

Edite Amorim

Fundadora & Coordenadora | THINKING-BIG

Nascida com o raiar da década de 80, terminou o curso de Psicologia e rumou para Barcelona onde um Master em análise de Grupos a esperava e a onde vai agora a cada ano dar a sua Masterclass.
Começou o primeiro projeto empreendedor em 2004 e o segundo em 2011, nos EUA, e é com ele que tem viajado por todo o lado, para proporcionar workshops e conferências de por grupos de empresas a refletir e agir. Psicologia Positiva Aplicada e Criatividade são os motes, post-is é a forma. O projeto chama-se THINKING-BIG, (mesmo que a Edite não tenha mais do que 1,55m).
Entretanto, e a par do resto, já serviu à mesa num restaurante bio e lavou xícaras num salão de chá bonito em França; lavou pratos num restaurante de uns amigos em Malmö, Suécia.
Já deu formação em Moscovo para uma multinacional; na Irlanda, onde viveu uns meses ou em várias partes de Espanha. Criou workshops para a Michelin, a GRDF e a Limagrain em França, onde chegou com o seu filhote de meses ao colo e foi bem recebida.
Conhece os coffices de todas as cidades por onde os passos a levam a viver, a trabalhar ou a viajar.

THINKING-BIG

A THINKING-BIG é o nome dado à forma de trabalhar de Edite Amorim. Com ela, desenvolve projetos de workshops e conferências interativos, num modo de co-construção com cada cliente, sejam elas multinacionais, PME's ou instituições de ensino. Os temas variam entre a Criatividade e a Psicologia Aplicada, sempre povoados de histórias e atividades.

Edite Amorim
Fundadora & Coordenadora | THINKING-BIG

Vassilis Charalampidis

General Manager | BIOS Organisation

Vassilis Haralambidis é um membro fundador e director artístico da BIOS, uma organização cultural para as artes, vida urbana e indústrias criativas. A BIOS iniciou Romantso, a primeira Incubadora de Indústrias Criativas da Grécia.
Ele é também membro fundador da primeira Rede Europeia de Creative Hubs, juntamente com parceiros de toda a Europa, uma rede que foi criada para conectar os profissionais criativos e empoderar a área das indústrias criativas.
Desde a fundação da BIOS em 2001, tem vindo a fazer a curadoria de numerosos eventos e performances relacionadas com a cultura urbana, cruzando média e várias expressões da criatividade artística contemporânea.

vassilis charalampidis
Presidente | European Creative Hubs Network & Manager | BIOS

Rui Coutinho

Executive Director | Center for Business Innovation at PBS

Firestarter. Agente Provocador. Incansável.
Estrategista, gestor de inovação e ciência, professor, investigador, mentor e empreendedor. Apaixonado sobre a mudança exponencial, transformação digital e o futuro de organizações e do trabalho.
Neste momento ocupa a posição de Director Executivo no Centro para Inovação Empresarial da Porto Business School — Universidade do Porto e Professor de Empreendedorismo e Inovação no MBA Magellan.

Rui Coutinho
Director Executivo | Center for Business Innovation na PBS

Giulia Sagramola

Ilustradora & Designer

Giulia Sagramola nasceu em Fabriano, Itália (1985). Estudou comunicação visual na ISIA Urbino e ilustração na Escola Massana. Desde então tem vindo a desenvolver projectos pessoais como objectos auto-publicados e artesanais. Posteriormente, viveu cinco anos em Bologna onde trabalhou no Festival BilBOlBul Comic durante seis meses e depois começou a trabalhar como freelancer full-time.
Desde 2010 auto-publicou livros sob o nome de Teiera, juntamente com Sarah Mazzetti e Cristina Spanò, e a marca conta com mais de 20 edições entre livros e zines,envolvendo artistas de todo o mundo. Para Teiera trabalhou como directora artística, design gráfico e curadora, assim como colaboradora com o seu próprio trabalho artístico.
Passou 2015 numa residência artística na Maison des Auters em Angoulême (França) onde criou a sua novela gráfica Incendi Estivi (Edição Bao).
Durante anos o seu trabalho tem vindo a ver o seu trabalho homenageado pela Bologna Children Bookfair, American Illustration, 3x3 Picture Book Show e a Society of Illustrators. O seu último livro ilustrado Sonno Gigante Sonno Piccino (Topipittori), escrito por Giusi Quarenghi, ganhou o prémio de mérito na 3x3 Annual Picture Book.

Giulia Sagramola
Ilustradora & Designer

Hugo Pereira

Especialista em Marketing Digital | SportZone

Formado em Marketing pelo Instituto Português de Administração e Marketing e Mestrado em Engenharia de Serviços pela Faculdade de Engenharia do Porto (FEUP), cedo se mostrou fascinado pelo potencial do Marketing Digital. Depois de ter passado pela Impacting Group, onde foi Country Manager do mercado Espanhol, incorpora hoje o Dpt. de Marketing & e-Commerce da Sport Zone, empresa recentemente comprada pela gigante multinacional JD Sports.
Diariamente, é responsável pela supervisão comercial do website, coordenando também todas as iniciativas de Marketing Direto e Programa de Fidelização.

EDIT.

A EDIT. é uma escola dedicada às áreas do Design Digital/Interativo, Criatividade, Desenvolvimento Tecnológico & Mobile e Marketing Digital.
A EDIT. foi fundada por profissionais da indústria interativa/digital, e aplica um modelo de formação inovador e dinâmico, pensado para acompanhar a rápida evolução do setor. Localizada em Lisboa, Porto e Madrid, promove a cooperação entre os alunos e as agências interativas e digitais nacionais e internacionais. Estes parceiros participam na adequação dos conteúdos programáticos dos cursos da EDIT. às necessidades reais do mercado, sendo esta a melhor forma de conceder aos alunos uma educação moderna e competitiva.

hugo pereira
Especialista em Marketing Digital | SportZone & Tutor | EDIT

Katja Tschimmel

Consultora | Mindshake

Katja Tschimmel é consultora e formadora, investigadora e docente, coach e oradora. Trabalha em dois universos, o empresarial (Mindshake - Consultoria em Pensamento Criativo e Design) e o académico (Porto Business School e Laurea University/Helsinki). É licenciada e doutorada em Design, e tem um Mestrado em Criatividade Aplicada. Investiga, ensina e publica nas áreas da Criatividade, do Design Thinking e da Inovação há mais de 20 anos. Apresenta o seu trabalho em conferências nacionais e internacionais, tendo sido keynote speaker em numerosos eventos. Nascida na Alemanha, Katja vive desde 1990 no Porto, a cidade que adotou e onde se sente em casa.

Mindshake - Consultoria / Formação em Criatividade e Design Thinking

A nossa equipa de designers e outros profissionais das Indústrias Criativas é dedicada ao desenvolvimento da criatividade em empresas. Usando métodos que têm origem na nossa pesquisa científica, elaboramos propostas para a formação de creative thinking em equipas, ajudando-as a produzir inovação mais incrementada e radical, através da aplicação de Design Thinking.

Katja Tschimmel
Consultora | Mindshake

Tânia Santos

Fundadora | CRU Cowork

Tânia Santos é formada em Psicologia e está a frequentar o Mestrado em Economia e Gestão da Inovação na FEP, Universidade do Porto.
Em 2012 fundou o CRU Cowork, um Creative Hub que combina um espaço de coworking para criativos, uma galeria de arte e uma loja de designers, localizada no Porto, Portugal. Desde então que o seu trabalho é focado essencialmente no sector das Indústrias Culturais e Criativas. Em 2019 fundou a associação Thinking Spoon cuja missão é apoiar o empreendedorismo criativo.
Tânia é vice-presidente da European Creative Hubs Network, uma organização sem fins lucrativos que visa conectar e apoiar hubs criativos em toda a Europa. Ela também é membro do conselho consultivo da European Development Network.
É fundadora do Indie Workers e está neste momento a organizar a primeira conferência em Portugal dedicada a freelancers criativos e solopreneurs.

CRU Cowork

A CRU é um hub criativo que, num só local, combina um espaço de coworking dirigido a actividades criativas, uma loja de design, uma zona para exposições de arte e espaços oficinais.
A nossa missão é oferecer as melhores condições para manter a nossa comunidade activa, próspera e internacional, reforçando simultaneamente o potencial individual de cada freelancer e solopreneur das diferentes indústrias culturais e criativas. Para isso, oferecemos espaço e serviços a um custo suportável, num ambiente adequado à criação artística, à produtividade, ao networking e a colaborações, contribuindo para o bem-estar e a amizade entre todas as pessoas que fazem parte da nossa comunidade.

Tânia Santos
Fundadora | CRU Cowork

Pablo Fernández del Castillo

Director Criativo & Ilustrador

O Pablo é do México mas vive em Barcelona há mais de 15 anos.
Tendo vindo de um contexto ligado à publicidade, trabalhou nas melhores agências publicitárias (BBDO, DDB, JWT, HAVAS, etc.) enquanto copywriter e Director Criativo.
Depois de muitos anos a trabalhar para outrem, o Pablo começou a trabalhar em regime freelancing, combinando o seu trabalho criativo no seu estúdio (younameit) e a sua arte.
O Pablo é um criativo multidisciplinar com diferentes competências e que adora trabalhar com pessoas talentosas e sem egos.

MOB Barcelona

MOB é uma innovation hub que conta com uma comunidade de mais de 300 membros nos três espaços localizados no centro de Barcelona. Com a missão de democratizar a inovação, a MOB oferece serviços à sua comunidade, ajudando empreendedores e freelancers a crescer profissionalmente, e juntamente com a comunidade, construindo equipas de especialistas disponíveis para executar projectos de inovação, tecnologia e projectos criativos para empresas e instituições.

pablo fernández del castillo
Director Criativo & Ilustrador

Gonçalo Hall

Fundador | Remote Work Movement & Remote It Portugal

Gonçalo Hall é um trabalhador remoto que abraçou o nomadismo digital em 2018 e tem viajado pelo mundo enquanto trabalha desde então. Lançou em 2019 um podcast e projeto de consultoria denominado Remote Work Movement, a Remote It Portugal e a Remote Shift, uma conferência sobre o futuro do trabalho.

Remote It Portugal

A Remote It Portugal é um projeto em português que pretende informar e ajudar indivíduos e empresas a fazer a transição para o trabalho remoto através da educação e consultoria.O futuro do trabalho é remoto, existimos para ajudar Portugal a trabalhar remotamente.

Gonçalo hall
Fundador | Remote Work Movement & Remote It Portugal

Tuğçe Akbulut

Fundadora & Designer | Cross Change

Tuğçe Akbulut (TR, 1987) é a fundadora de Cross Change. É proveniente de um contexto em que foi space designer e directora artística. Nos últimos dois anos tem vindo a trabalhar em inovação social juntamente com a ONG Imece. Durante esses dois anos tem liderado programas de incubação de empreendedorismo social enquanto coordenadora. Começou por usar as suas competências enquanto designer para desenhar processos, programas, colaborações e projectos para apoiar inovadores, change-makers e impactar empreendedores cujo objectivo fosse criar mudança. Durante esta jornada, estabeleceu a sua empresa “Cross Change”, um laboratório experimental e interdisciplinar de design, começando por fazer a curadoria de profissionais criativos e outros sectores para projectos cujo impacto fosse social, cultural e ambiental.

Cross Change

Cross Change é um laboratório de design experimental que é accionado pela criatividade e está numa missão para provocar mudança. É uma empresa radicada em Istambul mas uma empresa de impacto descentralizado que acredita na criação de mudança colaborativamente. Não é uma forma fixa, mas uma composição diferente de moléculas que se movem em redor de questões. Cross Change é um laboratório que desenha colaborações entre profissionais criativos e outros sectores para explorar oportunidades que podem mudar o jogo, e para desenvolver soluções inovativas para projectos direccionados para o impacto, fazendo a curadoria de changemakers para criar impacto ambiental, cultural e social. O laboratório de colaboração constrói espaços para accionar a criatividade, desenha e facilita colaborações radicais para experiências, criando histórias que inspiram mudança. Foi fundado como laboratório de design colaborativo por rebeldes criativos que acreditam que colaborações radicais irão mudar o mundo.

Tuğçe Akbulut
Fundadora & Designer | Cross Change

África Rodríguez García

Co-fundadora | Espacio Arroelo

Eu defino-me como activista da chamada “cultura colaborativa”. Eu faço aquilo pelo qual sou apaixonada: ajudar a construir redes e comunidades que emergem da inteligência colectiva e partilha de conhecimento.
Em 2013 decidi mudar a minha vida. Voltei à minha cidade de origem, Pontevedra, e juntamente com a minha colega María Pierres, fundamos o Espacio Arroelo. O Espacio Arroelo é um espaço de cowork que conta com mais de 70 coworkers e é a apartir deste que promovemos projectos de inovação social.
Desde 2017 tenho feito parte de As Sequoias, uma equipa composta por três mulheres empreendedoras. Desenhamos experiências para a construção de comunidades. Criamos uma floresta onde não há sede ou general managers. Em conjunto coordenamos A Redeira para a Câmara Municipal de Pontevedra. É um espaço de liberdade e inspiração colectiva (tendo como exemplo La Colaboradora) onde cidadãos trabalham nos seus negócios ou projectos sociais com o requisito de trocar horas por ideias, serviços e conhecimento através de um banco colaborativo.
Desde 2018, sou membro da Ticket2Europe, uma ONG que desenvolve projectos Europeus para ajudar jovens a encontrar o seu próprio caminho.
Passo a passo, estamos a construir novas ligações com comunidades com as quais partilhamos valores, filosofia e projectos, tais como Creative Habitat, Shokkin International, European Creative Hubs Network, B Corp or Coworking Ambassadors.

áfrica rodríguez garcía
Co-fundadora | Espacio Arroelo

Ismael Cardoso

Senior Project Manager | Farfetch

Com formação e trabalho em arqueologia, decidiu voltar a estudar e mudar de carreira. Se o passado era o seu dia-a-dia hoje, é o futuro. Depois de ter passado pela Sonae e Claus Porto é agora Senior Project Manager no primeiro unicórnio português — a Farfetch. Entre Porto, Londres e Shanghai ajuda a inovar e melhorar processos de um dos maiores negócios de e-commerce made in Portugal.

EDIT.

A EDIT. é uma escola dedicada às áreas do Design Digital/Interativo, Criatividade, Desenvolvimento Tecnológico & Mobile e Marketing Digital.
A EDIT. foi fundada por profissionais da indústria interativa/digital, e aplica um modelo de formação inovador e dinâmico, pensado para acompanhar a rápida evolução do setor. Localizada em Lisboa, Porto e Madrid, promove a cooperação entre os alunos e as agências interativas e digitais nacionais e internacionais. Estes parceiros participam na adequação dos conteúdos programáticos dos cursos da EDIT. às necessidades reais do mercado, sendo esta a melhor forma de conceder aos alunos uma educação moderna e competitiva.

ismael cardoso
Senior Project Manager | Farfetch & Tutor | EDIT

Mariana Emauz

Directora Criativa | Colisão Studios

Sou portuguesa mas vivo no Japão. Estudei Fotografia e Cultura Visual, Marketing e Design de Moda e, neste momento, tenho o meu emprego de sonho. Colisão Studios é uma casa de moda multidisciplinar em rota de colisão com algo novo.

Mariana Emauz
Directora Criativa | Colisão Studios

David Parrish

Managing Director | T-shirts and Suits Ltd.

David Parrish inspira e empodera empreendedores criativos em todo o mundo enquanto orador internacional ligado às Indústrias Criativas, consultor, formador e autor.

T-Shirts and Suits Ltd.

T-Shirts and Suits Ltd. é a empresa que David Parrish utiliza para o seu trabalho internacional dentro do contexto das Indústrias Criativas, sendo orador, formador, consultor e escritor.

David parrish
Managing Director | T-shirts and Suits Ltd.

Catarina Garcia

Designer Digital | MudoPodcast

Cresceu entre lápis e papel, assim como entre São Paulo e a Serra da Estrela. É licenciada em Novas Tecnologias da Comunicação pela Universidade de Aveiro. Pós-graduada em design thinking, pela ESAD, é no desenho de interfaces de aplicações que ganha a vida (ou User Interface como é da moda chamar). Trabalhadora independente, é também formadora no ISAG e na FEUP. Nos tempos (livres) que tem, dá muitas vezes a voz ao podcast Mudo.

MudoPodcast

Cresceu entre lápis e papel, assim como entre São Paulo e a Serra da Estrela. É licenciada em Novas Tecnologias da Comunicação pela Universidade de Aveiro. Pós-graduada em design thinking, pela ESAD, é no desenho de interfaces de aplicações que ganha a vida (ou User Interface como é moda chamar). Trabalhadora independente, é também formadora no ISAG e na FEUP. Nos tempos (livres) que tem, dá muitas vezes a voz ao podcast Mudo.

catarina garcia
Designer Digital | MudoPodcast

Diogo Morais Oliveira

Co-coordenador jurídico | Creative Commons Portugal

Diogo Morais Oliveira licenciou-se em Direito na Universidade Nova de Lisboa, tendo sido admitido, em 2009, no programa de Mestrado Europeu em Direitos Humanos e Democracia, onde se dedicou ao estudo dos direitos culturais. É advogado, consultor jurídico do DÍNAMO10 em matérias de propriedade intelectual e co-coordenador jurídico da Creative Commons Portugal. Criou o projecto “CC Local Point”, um ponto de contacto físico dirigido à comunidade, onde se pretende garantir um acesso sólido e prático sobre a utilização das licenças creative commons.

Diogo morais oliveira
Co-coordenador Jurídico | Creative Commons Portugal

Carolina Curado

Joalheira | Carolina Curado Jewellery

Foi após a licenciatura em Biologia que Carolina Curado decidiu investir na área de Joalharia. A sua paixão e empenho resultou em vocação e sucesso. Em 2012 criou a sua própria marca. Carolina Curado, natural de Braga, valoriza o design e a personalidade de cada peça.

Carolina Curado Jewellery

As melhores criações nascem do invulgar e a prova está aqui: uma bióloga transformada em joalheira e uma publicitária com uma vontade de construir um projecto próprio- estes foram os ingredientes necessários para nascer a marca Carolina Curado.
São pólos opostos mas são as suas diferenças que as complementam, marcando vincadamente o ADN das jóias que constroem. Com um forte complemento natural, a sua abordagem da joalharia passa pela influência das formas orgânicas presentes na fauna e flora que as rodeiam.
Os elementos florais e animais tão característicos das suas peças ganham forma através do seu metal de eleição, o latão, e de matérias-primas únicas, como as pérolas, os minerais, os zircões e os corais. Desde o conceito criativo até aos acabamentos finais, o amor e a dedicação são uma constante que prevalece em todas as jóias, conferindo-lhes riqueza e exclusividade.

carolina curado
Joalheira | Carolina Curado Jewellery 

Olivier Taco

Fundador & Designer de Produto | iGUANEYE

Olivier Taco é um designer de produto profissional. Começou por trabalhar em vários escritórios conhecidos em Paris, tais como STARCK, Elium, Normal studio…
Enquanto designer freelancer, criou muitos produtos como o capacete de equitação Samshield, por exemplo.
Desde que era um teenager queria desenhar sneakers. É o fundador e designer de iGUANEYE.

iGUANEYE

A iGUANEYE é uma protecção de pé ultra-minimal inspirada pela comunidade Amazónica. Funcionam como uma segunda pele e adaptam-se as teus movimentos.

olivier taco
Fundador & Designer de Produto | iGUANEYE

Beatriz Renault

Strategic Research Partner | Polar Insight

A Beatriz é designer de produto e user researcher, com especialização em inteligência de mercado e comportamento do consumidor. A sua experiência em pesquisa qualitativa e quantitativa aliada ao design thinking e facilitação de design sprints possibilita que as organizações com as quais trabalhou ofereçam soluções centradas no usuário, numa relação win-win. Enquanto colaboradora na Polar Insight, a Beatriz desenha e executa projetos de pesquisa para o setor público, com o desafio de levantar insights de forma rápida em um mercado de prestação de serviços já maduro.

Polar Insight

A Polar Insight acredita num mundo em que a representação e a diversidade estarão profundamente enraizadas na concepção e prestação de serviços públicos. É por isso que, através da pesquisa de usuários e do design inclusivo, conectamos cidadãos e governos, e ajudamos organizações públicas e privadas a entender e resolver problemas complexos para os cidadãos e as comunidades com as quais se relacionam.
Para isso, combinamos pesquisadores especializados, designers de serviços e criativos para construir equipas à medida para cada projeto.

beatriz renault
Strategic Research Partner | Polar Insight

João Afonso

Fundador | Gig Club

João Afonso é o fundador de Gig Club, o primeiro serviço de subscrição anual de música ao vivo do mundo, e membro da direcção do Why Portugal, a plataforma de exportação de música portuguesa. Anteriormente trabalhou como director da Startup Portugal e fundou outra startup de música chamada Musikki com a qual ganhou vários prémios incluindo o Prémio Nacional para as Creative Industries and Building Global Innovators, uma competição de ideias para negócios co-organizada com o MIT.
É apaixonado pela música e determinado em tornar o Porto numa das mais relevantes cidades da música na Europa.

Gig Club

Gig Club é o primeiro serviço de subscrição anual de música ao vivo do mundo. Ao juntarem-se a este clube os membros permitem ao Gig Club criar espectáculos para artistas emergentes e independentes, de uma forma justa e sustentável, beneficiando, simultaneamente, de muitos descontos e ofertas. Tendo uma média de um espectáculo por mês, juntamente com concertos secretos e mais íntimos para mostrar artistas emergentes, GC pretende contribuir para a diversidade cultural de cada cidade. Gig Club é feito por pessoas que gostam de música para pessoas que gostam de música.

João Afonso
Fundador | Gig Club

Alexandra Fonseca

Advogada | ConsulArte - Assessoria Legal

Advogada, responsável pela ConsulArte®, prestadora de serviços de assessoria legal especializada para o setor criativo. Do seu portfólio destacam-se colaborações transversais às áreas do cinema e do audiovisual, da literatura e da edição, das artes visuais e performativas, da música, do software, do design e das marcas, abrangendo tanto projetos individuais como coletivos, empresariais ou não, de natureza pública ou privada, aqui se incluindo criadores e artistas, empresas criativas, museus, escolas artísticas, universidades e sociedades de advogados.
Tem formação profissional especializada na área da gestão cultural, tendo estado envolvida na gestão de vários projetos no setor. É vice-presidente do Clube Português de Cinematografia — Cineclube do Porto. Integrou o corpo docente do Mestrado em Gestão de Indústrias Criativas da Escola das Artes da Universidade Católica do Porto e foi formadora, entre outros, da SetePés - Arte, Ciência, Formação. Tem promovido seminários, oficinas e cursos nas suas áreas de competência, nomeadamente, em contexto académico, escolar e profissionalizante, e colaborou com a revista de cinema e teatro “DRAMA” da APAD – Associação Portuguesa de Argumentistas e Dramaturgos na elaboração de artigos de opinião sobre temas do foro jurídico.
Licenciada em Direito pela Universidade Católica do Porto. É Mestre em Direito Intelectual pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Tem Pós-Graduação em Estudos Europeus (UCP Porto) e Especialização em Fiscalidade (OVERGEST/ISCTE Lisboa). Trabalhou para o Governo Português em Macau. Integrou os departamentos de auditoria e de consultoria fiscal da PricewaterhouseCoopers, SROC.

Alexandra fonseca
Advogada | ConsulArte – Assessoria Legal

Ricardo Salazar

Advogado | Sister Ray Discos

Ricardo Salazar, nascido e criado no Porto, pai, vendedor de discos, advogado, empresário e portista.

ricardo salazar
Advogado | Sister Ray Discos

Gabriel Gonçalves

CEO & Fundador | ERP24

Gabriel Gonçalves possui um MBA Executivo Internacional com especialidade em Finanças na Católica Porto Business School e neste momento continua a estudar num doutoramento em Ciências Empresariais.
Como empreendedor que é, deseja continuar sempre a aprender para poder fazer mais e melhor.

Fundou o iConsulting Group em 2014 e acabou de formar a ERP24 este ano, é consultor e formador de gestão e estratégia digital.
Já trabalhou com dezenas de empresas ao longo da sua carreira, nos mais diversos sectores.

A ERP24 é única parceira portuguesa da Bitrix24, como Gold Partner em Portugal. Neste novo desafio, já foram desenvolvido projetos com empreendedores, PME’s e até algumas multinacionais.
Tem como grande objetivo, tornar as empresas portuguesas mais competitivas no mercado global!

ERP24

A ERP24 nasce com intuito de melhorar as empresas e apoiar na transformação digital através do Bitrix24. Para garantir a eficaz implementação e utilização da ferramenta, o nosso serviço inclui a subscrição ou aquisição dos diversos planos, a total personalização da plataforma, feita à medida das tuas necessidades, e, ainda, webinares e sessões de formação regulares. Na ERP24 estamos comprometidos com o teu sucesso.

gabriel gonçalves
CEO & Fundador | ERP24

Ana Muska & André Carvalho

Co-Fundadores | Circus Network

A Circus Network nasce em 2012 enquanto organização cultural informal, evoluindo no ano de 2015 para se transformar em agência criativa, galeria de arte, loja e co-work. Este espaço dedica-se à arte urbana, à ilustração, à música e ao design. Localizada no coração da cidade do Porto, no denominado “Bairro das Artes” (n.º 54 da Rua do Rosário), tem como objectivo primordial promover o talento português procurando estreitar relações entre artistas, entidades e a comunidade envolvente. Um dos focos é também a incessante busca pela internacionalização, sempre com a cultura local como eixo de acção.

Ana Muska & André Carvalho
Co-Fundadores | Circus Network

locais

Palácio dos Correios

Vai ser aqui! 😀

ZERO Hotel

Vai ser aqui! 😀

Organização

Apoio

Patrocínios

Parceiros

Parceiros de Comunicação